Cartas sem destino

.posts recentes

. Há coisas que não têm de ...

. Deitar fora o passado

. Sinais do Destino

. Não há coincidências ...

. Feliz no passado ...

. Escutar a voz do coração....

. Breve resumo

. Simplesmente Amor ...

. Braços amigos

. Dor do próximo ...

.arquivos

. Março 2009

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

Sexta-feira, 20 de Junho de 2008

Lembranças do coração

  

 

(Foto retirada da net)

  

 

Aquela leitura incomodou Pilar, mas Isabella estava de rastos ... a paixão, o amor, a dádiva .... sabia o que era, pois já tinha vivido um

amor assim ... em que ele daria a vida por ela e ela a vida por ele, como se fossem apenas uma pessoa, como se as suas almas fossem apenas uma ...

Pilar olhou novamente para a amiga e perguntou-lhe:

"- Queres que te faça um chá?"

"- Não, deixa estar isto passa!" - respondeu Isabella, baixinho.

Naquele momento tudo vinha à memória de Isabella, como se uma arca que estava fechada há anos tivesse explodido e atirado tudo para fora. Gabriel ... o seu grande e único amor ... tinha nome de arcanjo ... era um homem culto, lindo, meigo, cavalheiro, romântico  ... dos poucos que existem ... namoraram cinco anos e tudo estava bem ... nunca falhará a um encontro, sempre disponível, amigo ... amante ...era a sua alma gêmea e a seu lado era a mulher mais feliz do mundo ...

Decidiram casar ... encontraram a casa dos seus sonhos à beira-mar, decoraram-na a seu gosto, planearam os filhos ... tudo estava perfeito ... e marcaram a data do casamento!

Ela sentia-se a princesa de um conto de fadas que ia finalmente ficar eternamente com o seu principe encantado e seriam felizes ... para sempre!

No dia 03 de Julho estava um dia lindo, quente de Verão e Isabella sonhava com a hora de trocar as promessas e os votos com o seu amado. De manhã, ele ligou-lhe a dizer:

" - Até já, Amor! "

À hora marcada, Isabella chegou à Igreja acompanhada por seu pai e familiares, notou no rosto dos convidados de Gabriel que algo se passava . Tinha saído com eles de casa no seu automóvel para vir para a igreja mas não tinha chegado ao seu destino. Isabella ficou em pânico, entrou na igreja, aproximou-se do altar e ajoelhou-se. Pedia a Deus, rezava, orava para que nada tivesse acontecido a Gabriel ...mas nada ... passou uma hora, passaram duas, passarm três ... e nada ... ligaram para os hospitais, para a polícia ... e nada ...

até hoje ... passados três anos ... nunca mais nada se soube de Gabriel ....

Uma lágrima rolou no rosto de Isabella ...

 

 

 

 

tags: , , , ,
publicado por Ennoea às 17:36
link do post | favorito
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
21
22
23
26
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds